Receita Federal apreende 760 kg de cocaína dentro de contêiner no Porto de Paranaguá

0
484
Foto: Divulgação/Polícia Federal

A Alfândega da Receita Federal apreendeu, na manhã desta sexta-feira (4), 760 quilos de cocaína escondidos em um contêiner no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná. A droga estava armazenada dentro de caixas, em meio a outras que carregavam carne congelada de frango.

Segundo o delegado da Receita Federal de Paranaguá, Gerson Faucz, policiais perceberam a falta do lacre de origem no contêiner e desconfiaram de que havia algo errado. “Nós passamos a carga pelo escâner e notamos que tinha alguma coisa suspeita. Abrimos o contêiner e descobrimos que, entre as caixas com pé de frango, existiam outras que possuíam cocaína dentro”, relatou ele em entrevista à Banda B.

O delegado ainda afirmou que os traficantes foram cuidadosos ao ponto de colocarem a droga em caixas de 12 quilos cada, o mesmo peso das cargas de carne. “No total, nós encontramos 760 quilos de cocaína e encaminhamos para a Polícia Federal. O produto seria levado para o Porto de Antuérpia, na Bélgica, o maior destino dos entorpecentes que saem de Paranaguá. Agora nós vamos analisar as imagens e investigar como eles colocaram a cocaína no contêiner. Nós desconfiamos que isso foi feito dentro do terminal mesmo”, completou o delegado.

De acordo com Faucz, o armazenamento foi feito sem o conhecimento do exportador de frango. Devido à violação, a carga será rechaçada pelo Ministério da Agricultura e não poderá mais ser exportada.

Em 2018, a Receita apreendeu 4,8 toneladas de cocaína no Porto de Paranaguá, com destino para países como Espanha, Holanda e Bélgica.

 

Banda B.

Comentários