Por suspeita de fraude em licitação, estátuas de Chitãozinho e Xororó são apreendidas no Paraná

0
573
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Astorga)

Elas seriam colocadas junto ao Portal Turístico Granada, que é em formato de violão, para homenagear a dupla

 

As estátuas dos cantores Chitãozinho e Xororó, que estavam sendo produzidas a pedido da prefeitura de Astorga, no Norte do Paraná, foram apreendidas nesta sexta-feira (21) por determinação do Ministério Público do estado (MPPR). De acordo com a denúncia, há indícios de fraude no processo de licitação para contratar o artista responsável pela obra.

Astorga é a cidade natal da dupla sertaneja. Para homenageá-los, a administração abriu licitação para contratar um artista para confeccionar a estátua dos cantores. Elas seriam colocadas junto ao Portal Turístico Granada, que é em formato de violão.

No entanto, segundo o MPPR, há suspeita de irregularidades no processo licitatório, que foi dispensado pela prefeitura. “Eles [prefeitura] cotaram dois artistas e a segunda cotação é bem estranha, o artista nem descriminou o valor dos insumos”, alegou
o promotor Lucílio de Held, responsável pelo caso.

Leia a matéria completa aqui.

 

Fonte: Banda B.

Comentários