Polícia investiga se acidente que matou secretário de Assis foi proposital

0
408

A hipótese é de homicídio qualificado; o condutor teria invadido o ginásio para matar Elder

A Polícia Civil de Assis Chateaubriand investiga a hipótese de homicídio qualificado no acidente que matou o secretário de esportes, Elder Franzoi Coutinho, 29 anos, na manhã desta quinta-feira (05).

Uma caminhonete invadiu o ginásio de esportes Tancredo Neves no jardim Progresso em Assis na manhã de hoje, matou o secretário e feriu dois adolescentes que estavam na arquibancada.

O motorista da caminhonete fugiu do local e apresentou-se em seguida na delegacia de polícia. Ele alegou que perdeu o controle da direção em uma rotatória, porém as investigações apontam para outra hipótese, a de homicídio. Os motivos não foram relevados. “O caso está sendo tratado como homicídio qualificado e não como acidente. Ele teria intenção de atingir a vítima”, disse o delegado Tiago da Silva Teixeira.

Elder trabalhava como secretário e já foi jogador de vôlei profissional.

O ex-atleta teve traumatismo craniano, foi socorrido e morreu logo depois de chegar ao hospital.

O município decretou luto oficial.

 

Fonte: Catve

Comentários