Comerciante atingido por 24 tiros morre em hospital de Cascavel

0
965
Morreu no Hospital Universitário de Cascavel, no início da madrugada de terça-feira (18), o comerciante Sandro Rossi, de 45 anos. Ele estava internado desde o dia 24 de abril, após ser alvejado por 24 tiros na Rua Xavantes, no Bairro Santa Cruz.

Sandro morreu antes da 1h da manhã. O IML (Instituto Médico-Legal) foi acionado para fazer o recolhimento do corpo, que deverá passar por necropsia antes de ser liberado à família.

Este foi o segundo atentado sofrido por Sandro. Em novembro de 2018, ele também havia sido vítima de tentativa de homicídio. Na ocasião, o comerciante foi atingido por três tiros e ficou em estado grave, sendo encaminhado ao Hospital Universitário.

O irmão de Sandro, Robson Rossi, de 30 anos, também foi alvo de disparos no último dia 5 de junho, na esquina das ruas Belo Horizonte e Carlos de Carvalho, no Bairro Neva. Ele foi alvejado por um disparo na região do ouvido, mas já recebeu alta hospitalar.

A Delegacia de Homicídios investiga os dois crimes e apura se há ligação entre ambos. No entanto, a Polícia Civil não divulgou detalhes sobre o andamento das investigações.

Relembre: Segue no HU Sandro Rossi; empresário foi atingido por 24 disparos em abril

 

CATVE

Comentários