Agentes da Força Aérea Brasileira vem a Cascavel para investigar acidente aéreo

0
642
Reprodução CATVE

O Seripa V (Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) do Rio Grande do Sul deve chegar a Cascavel nesta segunda-feira (18) para dar início a investigação sobre a queda do avião que deixou três pessoas mortas e uma em estado grave, em área de mata, nas proximidades do Aeroclube, no Distrito de Espigão Azul – Oeste do Paraná.

O PT JQZ modelo V35B da fabricante Beech Aircraft voava em baixa altura, quando sofreu a queda.

A investigação é de responsabilidade do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) e o Seripa de Porto Alegre é quem atende a região Sul do Brasil e apura acidentes aéreos por aqui.

A investigação deve apontar o que promoveu o acidente, se foi falta de combustível, falha mecânica, ou até mesmo uma pane elétrica, no entanto não há prazo determinado para que sejam concluídos os laudos, já que a apuração depende exclusivamente da complexidade da queda de cada aeronave.

Além do piloto Magnus Boeno Padilha, 32 anos, que morreu na queda da aeronave, estavam a bordo a família do médico cardiologista Eduardo Frederico Borsarini Philippi 48 anos que é presidente do Country Club Cascavel.

Eles retornavam de Santa Catarina onde passaram o feriado na praia.

Eduardo e a filha mais nova do casal, Fernanda de 12 anos, morreram na queda. Outra filha deles que mora em São Paulo não estava no avião.

Vítimas:

– O médico cardiologista Eduardo Frederico Borsarini Philippi 48 anos que morreu no local (ele era presidente do Country Club);

– A mulher Graziela de Souza Philippi, 53 anos, levada em estado grave ao HU com poli traumatismo generalizado;

– Fernanda Philippi, 12 anos, estudante colégio Alfa, morreu no local;

 

O cardiologista é dono da hemodinâmica do Hospital Salete. E emprestou a aeronave de Nilo Laerse de Rezende, da Saraiva de Rezende Construtora.

A família Phillipi seguia de Santa Catarina para Cascavel depois de passar o fim de semana no estado vizinho. O avião de fabricação americana não tinha autorização para táxi aéreo.

 

Fonte: CATVE.com

Comentários